O ajuste fiscal efetivado no decorrer do Plano Real e suas repercussões na autonomia federativa
Author
Vaz, Flávio José Tonelli
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-advisor
Santos, Rita de Cássia Leal Fonseca dos
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-medium
Abstract
Analisa em que medida a prioridade concedida ao ajuste fiscal, após a implantação do Plano Real (1994), interferiu no modelo federativo brasileiro ou diminuiu a autonomia federativa para Estados e Municípios. Discute se a centralização de poder decorrente de tal ajuste permite uma convivência com uma pluralidade política, própria do modelo federativo e o quanto essa subtração da capacidade econômica neutraliza a capacidade política e a autonomia das unidades subnacionais.
Subject
Autonomia estadual, redução, Brasil
Política fiscal, Brasil
Política monetária, Brasil
Autonomia municipal, redução, Brasil
Competência tributária, centralização, Brasil
Finanças públicas, controle, política, Brasil
Federalismo, avaliação, Brasil
Brasil. [Plano Real (1994)], aspectos políticos
Description
Monografia (especialização) -- Curso em Orçamento Público, Câmara dos Deputados, Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento (Cefor); Senado Federal, Universidade do Legislativo Brasileiro (Unilegis); Tribunal de Contas da União, Instituto Serzedello Corrêa, 2008.
Date
2008

Show full item record Show simple item record



Files in this item

Name: Size: Format: Visualização
ajuste_fiscal_tonelli.pdf 442.4Kb Adobe/PDF Thumbnail
ajuste_fiscal_tonelli_qrcode.png 3.838Kb PNG image Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Ver coleção por

My Account

Discovery